domingo, 16 de novembro de 2008

irving berlin especial

Ao contrário de Cole Porter – filho de família rica, educado em Yale e com formação européia (morou anos em Paris), Irving Berlin sempre fez canções extremamente populares. Nem poderia ser diferente, para quem era filho de imigrantes russos-judeus, que deixaram Temun, na Rússia, no final do século XIX e vieram para a América. Com apenas quatro anos, Berlin – na época, ainda com seu nome verdadeiro, Israel Balene – vivia num dos mais miseráveis prédios do Lower East Side, em Nova York. Em 1911, com apenas 13 anos, Berlin compunha “Alexander’s Ragtime Band”, que se tornaria o maior sucesso no início do século passado, popularizando o ritmo rag – que teve, entretanto, seu criador em Scott Joplin (1868-1919). Três anos depois, Berlin escreveria o seu primeiro musical – “Watch Your Step”, com libreto de Harry Smith e que o produtor Charles Dillingham apresentaria no New Amsterdam Theatre, com estréia em 8 de dezembro de 1914 – para uma carreira de 175 performances. Foi o primeiro de um total de 21 musicais que, por 48 anos encantariam o público na Broadway – e ao longo do qual surgiram mais de cem standards da música americana, conhecidas e amadas em todo o mundo. No programa de hoje você ouve uma pequena amostra da enorme obra deste compositor que segundo Jerome Kern, não tem lugar na música americana porque ele era a própria música americana.







Seleção musical: Ricardo Pereira.

1.“PUTTIN’ ON THE RITZ”(Irving Berlin) – BENNY GOODMAN, 1938

2. “ALEXANDER’S RAGTIME BAND”(Irving Berlin) – LOUIS ARMSTRONG, 1937.

3. “CHEEK TO CHEEK”(Irving Berlin) – LOUIS ARMSTRONG, 1956.

4. “ANYTHING YOU CAN DO”(Irving Berlin) – BING CROSBY & THE ANDREW SISTERS, 1946.

5. “PLAY A SIMPLE MELODY”(Irving Berlin) – BING & GARY CROSBY, 1950.

6. “ANY BONDS TODAY?”(Irving Berlin) – THE ANDREW SISTERS, 1943.

7. “I USED TO BE COLOR BLIND”(Irving Berlin) – ANITA O’DAY, 1956.

8. “I NEVER HAD A CHANCE”(Irving Berlin) – ANITA O’DAY, 1956.

9. “ALWAYS”(Irving Berlin) – ELLA FITZGERALD, 1958.

10. “HEAT WAVE”(Irving Berlin) – ELLA FITZGERALD, 1958.

11. “DOIN’ WHAT COMES NATUR’LLY”(Irving Berlin) – DORIS DAY, 1963.

12. “A PRETTY GIRL IS LIKE A MELODY”(Irving Berlin) – PAT BOONE, 1957.

13. “WHITE CHRISTMAS”(Irving Berlin) – ELVIS PRESLEY, 1957.

14. “I’VE GOT MY LOVE TO KEEP ME WARM”(Irving Berlin) – DEAN MARTIN, 1959.

15. “THERE’S NO BUSINESS LIKE SHOW BUSINESS”(Irving Berlin) – ROSEMARY CLOONEY, 1984.

16. “HOW DEEP IS THE OCEAN”(Irving Berlin) – CHET BAKER, 1985.

17. “THEY SAY IT’S WONDERFUL”(Irving Berlin) – JOHN COLTRANE and JOHNNY HARTMAN, 1963.

18. “EASTER PARADE”(Irving Berlin) – OSCAR PETERSON, 1952.

19. “CHANGE PARTNERS”(Irving Berlin) – FRANK SINATRA & ANTONIO CARLOS JOBIM, 1967.

20. “BLUE SKIES”(Irving Berlin) – NINA SIMONE.

21. “STEPPIN’ OUT WITH MY BABY”(Irving Berlin) – DELTA GOODREM & TONY BENNETT, 2006.

22. “TOP HAT, WHITE TIE AND TAILS”(Irving Berlin) – TONY BENNETT, 1993.

23. “LET’S FACE THE MUSIC AND DANCE”(Irving Berlin) – DIANA KRALL, 1999.

24. “I’M PUTTING ALL MY EGGS IN ONE BASKET”(Irving Berlin) – STACEY KENT, 2006.

25. “ISN’T THIS A LOVELY DAY”(Irving Berlin) – STACEY KENT, 2006.

26. “WHAT’LL I DO”(Irving Berlin) – CAROLINE HENDERSON, 2006.

27. “PUTTIN’ ON THE RITZ”(Irving Berlin) – RUFUS WAINWRIGHT, 2007.

2 comentários:

Vladimir disse...

Tá muito massa esse teu blog!
Vou passar a recomendar... Gosto muito do nascimento do Blues e todos esses classicões que estão rolando ai.
Abraços

Juliana disse...

Teu blog é lindo!!
Vim procurar por Cole Porter e achei muito mais :D
Obrigada por iss ;)
abração!